Home Dicas de família 10 Dicas de Viagem que só uma mãe pode dar (e inspirar outras mães)
10 Dicas de Viagem que só uma mãe pode dar (e inspirar outras mães)

10 Dicas de Viagem que só uma mãe pode dar (e inspirar outras mães)

53

Quando resolvi participar da Blogagem Coletiva do “Viajando em Família”, grupo de 110 blogueiras que faço parte, fiquei pensando em o que eu poderia dizer para as pessoas sobre 10 Dicas de Viagem que só uma mãe poderia dar. E nessa minha reflexão fiz uma viagem maravilhosa no tempo, voltando na época quando a Luna era bebê e começamos a viajar com ela (ela tinha 3 mesinhos apenas). Quantos desafios que enfrentei, medos que tive e críticas que recebi, inclusive até me chamaram de “maluca” por estar exigindo demais da nossa filha. Graças a Deus que não me intimidei e sempre acreditei que eram momentos únicos como esses, em lugares lindos, que estaríamos juntinhas para desbravar o mundo! E hoje, vejo que tudo isso valeu a pena! O quanto ela se desenvolveu, se tornou mais independente, questionadora (quase uma mini filósofa) e contemplativa. Ela só tem 3 aninhos mas sei que o legado que deixarei será para a vida inteira… Bom, depois de tantos blá, blá, blá vou compartilhar aqui, algumas dicas que aprendi ao longo desse tempinho de mãe de primeira viagem.

 

10 Dicas de Viagem que só uma mãe pode dar

 

1) Seja corajosa e enfrente as situações

Porque comecei com essa dica? Porque de nada adianta passar dicas e mais dicas se você não acreditar e ter coragem de viajar com seus filhos (as). Na maioria das famílias, as mães que normalmente organizam tudo da viagem, são as roupas, remédios, roteiros, escolhem os hotéis, as atrações, avisam na escola, veem os documentos, levam ao pediatra… Ufa! E só de pensar que tudo pode ser trabalhoso, a pessoa já desiste e nem sai do lugar. Trabalho? Claro que também temos em casa com os nossos pimpolhos, então porque não relaxar, viajar em família e curtir momentos inesquecíveis? Mesmo que não sejam perfeitos como você sonhou, mas mesmo assim valem a pena.

africadosul72

2) Viaje para lugares que tenham a ver com o seu perfil de família

Grécia, Africa do Sul, Tanzânia são lugares lindos e paradisíacos e quando você vê as fotos de amigos ou pessoas curtindo esses lugares, dá vontade de sair correndo e comprar a primeira passagem. Mas será que é o perfil da sua família? Dos seus filhos? Do  seu marido? Claro que conhecer culturas diferentes e lugares inusitados é um barato, mas reconheça os roteiros mais adequados que tem grande chance de todos voltarem satisfeitos. Nós, por exemplo, adoramos aventura e ecoturismo e a Luna ama praia e natureza, outra coisa é que amamos culturas diferentes e ela é muito curiosa também. Então, os roteiros exóticos nos atraem bastante, mas sou cautelosa em relação a rota e não são todos os lugares que me arrisco com ela, acredito que tudo tem sua hora.

Bento Gonçalves

3) Crie uma atmosfera antes da viagem

De uma forma lúdica e criativa fale sobre o próximo destino, procure atividades que tenham haver com o assunto e prepare as crianças gerando curiosidade e expectativa. Isso sempre deu certo com a Luna, mesmo quando tinha um aninho. Mostrava figuras, filminhos no You Tube, fazia brincadeiras… Acredito que isso seja meio caminho andado (ou 1/3 dela) para que a viagem seja um sucesso e bastante divertida.

 

4) Aprenda a fazer a mala

Esse é um conselho que todas as mães viajantes dão. Por favor, não carregue a casa inteira para viajar com você kkk Em primeiro lugar, para não ultrapassar o limite de peso da bagagem e em segundo lugar porque, provavelmente, você voltará com mais da metade sem usar. Seja qual for o destino leve roupas curingas para você e seus filhos e peças que combinem com tudo. Se for destino praiano, a chance de ficar o dia inteiro de roupa de banho, short, vestidinho, saída de praia e camiseta são enormes, então pra que levar roupa para manhã, roupa para tarde e roupa para a noite. Faça combinações que possam ser usadas e apenas trocar uma das peças. No caso do frio, um bom casaco já resolve tudo e um mais leve para um dia menos rigoroso e o resto é só seguir a mesma dica da praia.

luna mala

5) Fez xixi no colchão do hotel ou no estofado do carro

Putz, algumas vezes mesmo já desfraldada, Luninha sonhou e fez xixi na cama. Quase morri de vergonha, mas é nossa obrigação relatar ao hotel e sempre fazia isso depois de tirar o cheirinho do colchão. Tem uma dica infalível e legal que aprendi e vou ensinar. Você sabe como tirar o cheiro do xixi do colchão? Nessa fase de desfralde, ou você forra a cama com um plástico do trocador ou como eu fazia muitas vezes viajava sempre com um vidrinho com vinagre branco. É só misturar a metade do vidrinho (tamanho de água oxigenada) com a metade de água e aplicar com um algodão no lugar que fez o xixi. Deixar por 1 hora e depois secar com secador de cabelo com uma distância de 20 cm para não queimar o tecido do colchão. Pronto! O cheiro do vinagre sai depois.

6) Complemento nutricional para todas as horas

Lembro que no início, logo depois dos 6 meses quando a Luna começou a comer, eu sofria muito quando ela não almoçava ou não jantava nos lugares e chorei várias vezes de tristeza achando que ela ia ficar doente, que ia ter anemia ou desnutrição. Depois de conversar muito com a pediatra e uma nutricionista elas me tranquilizaram que tudo era fase e que a ansiedade e angustia não ajudavam nesse caso. Foi quando me indicaram um complemento nutricional que tem muitos nutrientes e substitui as refeições, claro que não pode ser considerado um substituto por longo tempo mais é um quebra-galho fantástico. Pronto, depois disso relaxei! Tinha dias que ela comia super bem no café da manhã, depois almoçava pouco e jantava… cada dia um desafio, mas quando se muda o foco, tudo fica melhor! Inclusive quando se está viajando e se depara com os desafios das culinárias diferentes de cada país. Mas tudo sempre dá certo! Relaxe!

7) Carrinho guarda-chuva e canguru, seus maiores aliados

Ixi, se não fossem esses dois amigos com certeza não aproveitaríamos tanto as viagem. E o carrinho nos acompanha até hoje! Já subiu nas muralhas de Cartagena, já passou pelas ruínas maias, já passeou pelas praias de Punta del Leste, desfilou pelas ruas charmosas de Gramado e Búzios. E tudo é acostumar a criança desde cedo, mesmo que ela não goste no início, mas esse hábito é importante para mais tarde não ficar carregando de lá para cá no colo (até porque tem passeios que a caminhada pode ser maior)

curitiba

carrinho guarda-chuva

8) Mochila nas costas e partiu!

Sempre nos passeios que posam exigir mais dos pais e para os passeios mais distantes, uma dica é levar tudo que precisa dentro de uma mochila para ficar com as mãos mais soltas. Isso foi fundamental em vários destinos que fizemos quando precisamos pegar lancha ou barco, pegar vários táxis e etc.

9) Kit de atividade, a salvação

Sem dúvida nenhuma, toda mãe tem que preparar um mini kit de atividades para distrair seus filhotes no voo e para mim, o que não pode faltar em hipótese nenhuma são as massinhas de modelar, as canetinhas e o bloquinho de papel! Isso é ótimo também para os restaurantes. Nunca fomos a favor de celular e tablet para distrair as crianças (mas não tenho preconceito em relação as mães que dão), mas acreditamos que na hora das refeições é o momento que estamos juntos e brincamos com ela de desenhar, fazer bichinhos e aproveitar em família.

massinha

10) Como fazer dormir em vôos mais longos

Uma das coisas que sempre deu certo é marcar o voo noturno para um destino mais distante, isso ajuda a manter a rotina de sono da criança e conciliando com uma mamadeira fica perfeito! Outra coisa é não deixar que tire um soninho durante o dia para que já deixe seu filho (a) naturalmente com aquele soninho perfeito para apagar. E por último, consultar o seu pediatra a possibilidade de dar uma dose de antialérgico para dar um soninho.

mamadeira no aviao

Aqui compartilhei a minha experiência com a Luna, que deu (e tem dado certo) e espero que essas dicas possam contribuir um pouco para a sua viagem. Aproveite sempre que o tempo é curto e os melhores momentos passam rápido!

 

Deixe nos comentários as suas dicas e experiências nas viagem, queremos muito saber.

 

Curta nossa página no Facebook
Siga o nosso perfil no  Instagram
Inscreva-se em nosso Canal do You Tube e assista nossos episódios pelo mundo.

 

Reserve um hotel no destino desejado. É só clicar no banner abaixo e garantir o menor preço do Booking, ou se preferir, clicar aqui. Você não paga nada por isso e ainda fornece uma pequena comissão ao blog.

booking

 

Conheça a dica de outras 37 mães blogueiras:

1 – Viagens que Sonhamos – http://www.viagensquesonhamos.com.br/…
2- Andreza Dica e Indica http://andrezadicaeindica.com.br/bl…
3 – Por aí com os Pires – http://www.poraicomospires.com.br/2…
4 – Felipe, o pequeno viajante – http://www.felipeopequenoviajante.com/…
8 – Vem pro Parque!http://vemproparque.com.br/2017/05/…
13. Cantinho de Ná http://cantinhodena.com.br/2017/05/… 14. Diário de Viagemhttp://www.diariodeviagem.com/10dic…
16- Viagem Simplesmentehttp://www.viagemsimplesmente.com.br/…
17- Viajando de Carro – http://viajandodecarro.com.br/10-di…
18 – Do RS para o Mundohttp://dorsparaomundo.blogspot.com/…
21 – Ninho de Jiripoca – https://ninhodejiripoca.com.br/2017…
22 – Blog Viaje pelo Mundohttp://blogviajepelomundo.com.br/20…
26 – Viajando em Familia – http://www.viajandoemfamilia.com.br/?p=2825
27 – Ferinhas Viajantes – https://www.ferinhasviajantes.com/s…
34. Família Viagem – Como viajar sem os filhos numa boa – http://www.familiaviagem.com.br/2017/05/11/como-viajar-sem-os-filhos-numa-boa/

Gostou? Compartilhe!

Facebooktwittergoogle_pluspinterestmail

Comment(53)

  1. Flavia,

    Nunca tinha pensado na dica do vinagre. Até fiquei tentando me lembrar, mas acho que nunca tivemos escapadas de xixi por aqui, em compensação tive que limpar muito carro alugado com vômito.
    Dodô sempre vomitava em viagens de carro, Precisávamos dar Dramin até para curtas distancias. Mas passou!!!!

    Beijão para você e um lindo dia das Mães!

    1. Sim, porque já escutei de algumas famílias que foram se aventurar em um roteiro e não curtiram mas que pelas fotos pareciam ser legais, criaram várias expectativas etc… Até falaram “antes ter ido para ….” E isso me marcou muito.

  2. O perfil de viagem realmente precisa ser observado. De nada adianta ir para os lugares da moda, somente para dizer que foi. Minha família adora o frio, e curtimos muito viagens para esse lugares. esse bebe é um fofo. Parabéns!

    1. Para a gente foi diferente porque sempre acreditamos nas viagens com filhos e liamos muito e conversavamos muito com outras familias. Percebemos a alegria que todos tinham de estarem juntinho e foi tranquilo.

  3. Traduzi o “seja corajosa” por “não tenha preguiça”… o que mais vejo por aí são essas desculpas pra não viajar, pois muita gente acha que dá trabalho viajar com crianças. Dá mesmo, mas é tão bom que compensa qualquer trabalho, não?

  4. Oi Flavia
    Sua dica para se livrar de cheiro de xixi é top! =) Sabe que nunca pensei nisso?
    Acho que porque desfraldei os dois bem tarde, fui preguiçosa. hahah
    Você tem toda a razão sobre mochila nas costas e mãos livres. Isso já me salvou muitas vezes.
    Bjks
    Adriana

  5. Oi, Flávia!
    Não sou mãe, mas sou viajante compulsiva e admiro todas vocês que não só viajam com as crianças, mas as incentivam desde cedo. Ótimas dicas e artemanhas que você compartilhou!

  6. Ótimas dicas, parabéns pelo post! Nós já passamos por isso de xixi na cama de apartamento alugado e hotel pelo menos umas 3 vezes e foi péssimo mesmo. A gente não sabia disso do vinagre e tentamos dar uma boa secada e avisar o que tinha acontecido. Aqui também sempre levamos o carrinho, fundamental mesmo.
    Abraços

  7. Flávia, adorei as dicas! Também sou adepta a voos noturnos em viagens internacionais. E o carrinho é um aliado até por volta dos cinco anos. Senti muita falta quando viajei com meu filho ao Chile quando ele fez 6 anos e não cabia mais no carrinho. Até ele falava: “Quero o carrinho”.

  8. Que dica preciosa a do vinagre! Adorei! Também viajo com minha pituca desde que ela era bem pequena (antes de completar 3 meses já fizemos a primeira viagem de carro e em seguida o primeiro voo pro Brasil). Acho que é uma das melhores formas de curtir em família! :)

  9. O kit de atividade é uma salvação mesmo independente da idade não é Flavia? Os meus mesmo adolescentes sempre têm que ter alguma coisa pra entreter nos voos longos principalmente porque muitas vezes os filmes disponíveis ou eles já assistiram ou não fazem o estilo :).

Deixe uma resposta